• Webmail

Acesse sua conta de e-mail

Preencha os campos abaixo
Nome:
@sintes.com.br
Senha:
  • (79) 3303-1207
direitos-sindipetro-al-se

 

Após uma greve de 21 dias dos petroleiros, promovida pelo Sindipetro AL/SE, que teve como uma das principais bandeiras de luta a garantia dos direitos adquiridos, a direção deste Sindicato, na contramão do que tanto defendeu, propõe agora retirada de direitos dos seus empregados. Como se não bastasse tais desmandos, também estão ameaçando e coagindo seus empregados.

 

Mais um ataque aos trabalhadores vindo de dirigentes sindicais, que têm o papel extremamente importante na defesa da classe trabalhadora. Contudo, no Sindipetro AL/SE, estes dirigentes não acreditam e nem agem balizados por este princípio. Eles querem retirar direitos e conquistas dos empregados, e afirmam que só assinarão o Acordo dos Empregados se eles concordarem com a retirada de direitos.

 

Diante de várias tentativas de negociação, o Sintes/SE, juntamente com os empregados do Sindipetro AL/SE, decidiu fazer uma paralisação de 24 horas, nesta quarta-feira, dia 27, como protesto contra a proposta de retirada de direitos dos trabalhadores. E não demorou muito para que começassem as represálias, chegando ao ponto de um diretor do Sindicato agredir verbal e fisicamente um empregado. 

 

O Sintes/SE repudia veementemente tal comportamento, o qual deixa claro o seu verdadeiro intuito, que nada mais é de tentar desmobilizar a luta dos empregados. Este ataque criminoso já foi denunciado e registrado, e nosso setor jurídico já está tomando as devidas providências.

 

O Sintes/SE não se rende e continuará lutando para garantir os direitos dos trabalhadores e avançar em mais conquistas.